Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Rendimento Básico Incondicional

Rendimento Básico Incondicional

Afinal quem quer viver com mais Liberdade?

Para os Antigos existia uma Liberdade Coletiva para a procura da Verdade e da sociedade ideal, a Utopia. Na atualidade o que existe é uma Liberdade individual traduzida maioritariamente na procura do bem-estar pessoal e material.

 

A questão que se coloca é saber se o ser humano tem um verdadeiro livre-arbítrio ou está condicionado num mundo determinista? De qualquer forma, devemos sonhar e “a melhor forma de prever o futuro, é realizá-lo.”

 

O advento da 4ª Revolução Industrial está aí à porta, com as áreas mais disruptivas designadas por GNRIA, Genética, Nanotecnologias, Robótica e Inteligência Artificial. Mais do que as áreas em si, vão ser as suas interseções que vão alterar tudo. O futuro pode ser fascinante e aterrador ao mesmo tempo. E um dos efeitos secundários avançado em vários estudos será o aumento exponencial do desemprego.

 

Não sendo uma solução nova, o RBI – Rendimento Básico Incondicional estava associado a algo utópico. No entanto, começa a ser cada vez mais apontado como uma possível solução futura contra o desemprego galopante que se avizinha. Neste momento, tem apoios à esquerda e à direita, e oposições à esquerda e à direita, o que revela a sua pertinência.

 

A democracia sofre hoje os ataques da alta finança, do radicalismo islâmico e dos populismos. Não sendo o RBI uma panaceia que tudo pode resolver, será uma forma de dar mais poder às pessoas e portanto dar-lhes mais Liberdade. Mais, poderia ser a sociedade civil a desenvolver um RBI sem a tutela do Estado, como defende o Movimento RBI-TT - Rendimento Básico Incondicional de Todos para Todos.

 

Eduardo Currito

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D